4 Razões sobre a volatilidade do Bitcoin

Por que Bitcoin é tão volátil?
Por que Bitcoin é tão volátil?

Todos sabem que o preço do bitcoin é em uma montanha-russa, especialmente no segundo semestre de 2017 e no primeiro semestre de 2018. Por que essa extrema volatilidade? Aqui estão quatro possíveis razões que contribuem para as oscilações dos preços.

Nesta época do ano passado (maio/junho), o bitcoin estava sendo negociado em uma faixa de preço de R$ 11.000. Até o final de 2017, alcançou o seu valor mais alto de cerca de R$ 70.000 e um valor de mercado de mais de R$ 1 trilhão, marcando um aumento sem precedentes. No entanto, o primeiro semestre de 2018 não tem sido quase tão eufórico para a maior criptomoeda, seja em termos de capitalização de mercado ou preço. No momento que este artigo foi feito, o bitcoin está sendo negociado a R$ 28.500 e tem um valor de mercado de pouco mais de R$ 477 bilhões, uma perda de mais de 50% de seu valor de dezembro de 2017.

Então, sim, o bitcoin é, sem dúvida, volátil, mas antes de você levantar as mãos e começar a se perguntar se talvez a mídia esteja certa sobre o bitcoin ser uma bolha, vamos dar uma olhada em algumas das possíveis causas de sua instabilidade.

Uma das maiores razões para sua volatilidade é a oferta de demanda
Uma das maiores razões para sua volatilidade é a oferta de demanda

1. ECONOMIA: OFERTA E DEMANDA

O conceito de oferta e demanda é uma das leis básicas da economia. Em suma, quanto mais raro é e quanto maior for a demanda, maior será o preço.

O protocolo do bitcoin feito por Satoshi Nakamoto, pré-determinou o número de moedas que serão mineradas e colocadas em circulação, que são 21 milhões. No momento atual já foram minerados um pouco mais de 17 milhões de bitcoins conforme vemos em nosso marketcap. E com a crescente popularidade do universo de criptomoedas em geral, a escassez parece ter um impacto cada vez maior no preço.

2. ESPECULAÇÃO

É aqui que a mídia entra em cena. Isso não significa que a mídia seja a culpada pela volatilidade do preço do bitcoin, mas é o principal meio pelo qual as informações são compartilhadas.

As opiniões, e especialmente o comportamento dos investidores, têm um impacto sério no preço desse ativo virtual. Mas isso não é um assunto isolado, as opiniões dos investidores sempre tiveram um impacto sobre praticamente qualquer ativo negociado publicamente.

Em outras palavras, quando um investidor famoso publica algo positivo sobre o bitcoin ou qualquer outra criptomoeda, e essa notícia chega às massas, é possível que seu preço suba. Por outro lado, quando um nome de renome mundial como Warren Buffet diz que o bitcoin é como "veneno de rato", isso pode ter um impacto negativo no preço da criptomoeda.

Há uma grande duvida se a regulamentação do bitcoin é sadia ou não para a moeda
Há uma grande duvida se a regulamentação do bitcoin é sadia ou não para a moeda

3. REGULAMENTAÇÕES

Ainda que muitas pessoas considerem os regulamentos legislativos como algo ruim para o universo das criptomoedas, na verdade é exatamente o oposto. Embora já tenha quase uma década de vida, o bitcoin chegou à fama em 2017 devido ao seu enorme pico de preços. Em outras palavras, aos olhos de uma pessoa normal, esse é um campo relativamente novo.

Não há nada que um novo mercado precise mais do que regulamentações claras, concisas e fortalecedoras, que proporcionam aos potenciais investidores alguma segurança e uma estrutura que possam entender.

Como os regulamentos são tratados podem impactar o preço do bitcoin e outras criptomoedas. No início deste ano, a China anunciou que estava proibindo ofertas iniciais de moeda (ICO). Com isso, o preço do bitcoin caiu 5%, enquanto o Ethereum (ETH), que é a segunda maior criptomoeda em termos de capitalização de mercado, caiu mais de 12%. Este é um exemplo claro de que um simples movimento regulatório, pode ter um tremendo impacto no preço do bitcoin.

Uma das maiores mudanças para o bitcoin: Segregated Witnesses
Uma das maiores mudanças para o bitcoin: Segregated Witnesses

4. MUDANÇAS NO PROTOCOLO

Parte do apelo do bitcoin é que não existe uma única entidade que o controle, pois é descentralizado. No entanto, ocasionalmente, a comunidade como um todo toma certas decisões sobre como a tecnologia baseada em blockchain deve funcionar. Tentativas de alterar as regras nativas da principal criptomoeda podem resultar em uma nova moeda, que é chamado de fork. Isso pode causar grandes mudanças na maneira como o blockchain inteiro funciona.

Uma das maiores mudanças para o bitcoin foi o Segregated Witnesses (SegWit). Que fez com que o tamanho do bloco da rede fosse aumentado de 2MB para 4MB até 2018. Fazendo com que acelerasse as transações e diminuísse as taxas. No entanto, em meio à incerteza causada pela comunidade sobre se essa proposta apoiada pelos desenvolvedores seria aprovada em julho de 2017, vimos uma enorme volatilidade nos preços por causa dessa incerteza de melhoria no protocolo.

É óbvio que existem muitos fatores que estão afetando o preço do bitcoin. Estes estão longe de serem os únicos que importam, mas certamente são os que precisam ser mais levados em consideração.

Fonte: Bitcoinist

Você tem alguma previsão para o preço do bitcoin para o ano de 2019? Deixe as respostas nos comentários abaixo!

Data: | Autor: Willian BrunoTags: Bitcoin, Blockchain

Compartilhe este artigo


Compre bitcoin na Changelly